segunda-feira, 5 de abril de 2010

Veja como evitar problemas de saúde causados por horas e horas em frente ao PC

Medidas simples como alongamentos e educação postural podem previnir dores de cabeça, problemas de coluna e tendinites

Horas e horas em frente ao computador, posição incorreta e distância não indicada da tela do seu monitor podem ser uma bomba para a sua saúde. Mas não há como fugir, o micro já faz parte da rotina de muitos, como é o caso do programador Denis Moraes. Entre atividades do trabalho e da faculdade, ele chega a passar 17 horas em frente ao computador, o que já lhe rendeu sérios problemas.

“Uma época da minha vida eu trabalhava muito, acredito que postura errada, muito stress no trabalho, teve um dia que eu acordei e eu não conseguia me mexer, aí foi constatado que eu estava com meu nervo ciático inflamado”, conta Denis Moraes, programador.

Tendinites, bursites e problemas de coluna costumam surgir principalmente devido à posição incorreta do usuário em frente ao PC. Já os problemas de visão não costumam ser causados por seu uso, mas sim descobertos com ele.

“Até hoje não existe nenhuma doença conhecida desencadeada pelo computador, por outro lado, pessoas que têm alterações de visão, podem ter mais desconforto com o uso do monitor. Então, pessoas que tem problemas de visão, seja miopia, astigmatismo, pequenos estrabismos que passavam despercebidos, podem ser percebidos com o uso do  monitor”, explica o oftalmologista Flávio Vilella.

Além dos tratamentos como fisioterapia e acupuntura, os médicos indicam que o usuário mantenha sempre os cotovelos apoiados sobre a cadeira, coluna e pernas sempre retas, formando um ângulo de 90 graus. Praticar esportes para fortalecer a musculatura e fazer pausas durante o uso da máquina é outra dica.

“As pausas são muito importantes para a pessoa fazer um alongamento, soltar um pouquinho a musculatura. A cada uma hora, se a pessoa puder parar em torno de cinco a dez minutos, vai ser bastante benéfico para a pessoa não sobrecarregar a musculatura”, recomenda Ricardo Galotti, ortopedista.

Olhos secos e dor de cabeça são as maiores reclamações de quem passa muito tempo em frente ao pc. Além da lubrificação constante por meio de colírios, a dica é sempre manter o monitor 15 cm abaixo do nível dos olhos e ficar atento se há um constraste muito grande da iluminação da tela em relação ao ambiente. Ambientes mais homegêneos obrigam o usuário a forçar menos  a visão.

“Ambientes muito iluminados, que produzem reflexo na tela do monitor ou monitores que produzem uma iluminação excessiva, são mais desconfortáveis. Monitores antigos, ou monitores sem proteção de tela causam mais desconforto que monitores mais moderno com tela de cristal liquido”, diz Flávio Vilella.

Muitas empresas não respeitam ou mesmo desconhecem sua existência, mas existe uma lei que as obrigam a oferecerem ambientes favoráveis ao uso dos computadores. de forma a não comprometer a saúde de seus funcionários. Por isso, se você está sentindo algum desconforto, a primeira indicação é procurar ajuda médica e prestar atenção ao seu ambiente de trabalho.

Fonte: Olhar Digital
--

Um comentário:

Mara disse...

Oi Gabriel, gostei muito da sua visita e do seu comentário, realmente você também já deve ter ouvido muito falar de que "certos ares" fazem melhor pra gente
né? e essa da região úmida pra reumatismo eu tenho relatos de que é verdade mesmo. Eu morava no RS que no inverno é muito frio e chuvoso e eu nunca gostei desse clima, embora naquela época ainda não sabia dos meus problemas de coluna, mas agora que moro em Uberlândia que é seco, me sinto bem melhor e não quero nem saber de tempo úmido. Eu também já morei perto de Brasília (em Unaí) e lá realmente é seco, em Brasília nem se fala, às vezes é até demais, mas com certeza é melhor pra doenças equivalentes a reumatismo... mas um litoral pra aproveitar a beleza também é tudo de bom de vez em quando né?
E esse posto sobre postura no computador é muitíssimo importante viu? depois vou falar sobre isso um pouco tambpem... meu marido Luciano que é seu colega de trabalho também eu sempre dou umas broncas pra se cuidar.
grande abraço.

Mara